terça-feira, 26 de outubro de 2010

Danilo Gentili - Dilma NÃO!



http://www.youtube.com/watch?v=soJwk3kD0vI&feature=youtube_gdata_player

muito engraçado, além de pertinente!!!

uma boa quarta feira...

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

festa a fantasia

Olá ♥
Hoje estou meio empolgada... tenho uma festa bacana pra ir... e adivinhem: a fantasia!
Ontem (sim, só ontem) fui atrás do que vestir!
Me encantei com uma fantasia de espanhola e acabei por alugar esta mesma! =)
Ela é vermelha e branca, de bolinhas... vem com leque, flor pro cabelo e mais aquele pentinho com o véu... um charme...
Fui então pesquisar na net sobre penteados típicos das espanholas, e adivinhem de novo: achei vestidos e penteados di-vi-nos!!!
(dêem uma espiadinha)








besos niñas
=)

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Carta ao Presidente

uma pessoa que salva vidas, foi ainda mais adiante...

"Bom dia, Luiz Inácio!

Sabe Luiz, tal como você, também sou de origem humilde. Minha mãe lavou muita roupa e fez muito crochê para me criar. Depois, minhas
irmãs cresceram e foram ser tecelãs numa indústria em Bauru ...
Estudamos em escola pública. Naquele tempo nem calçado tinha. Ganhava roupas usadas e me sentia uma rainha.
Com muito custo estudamos, Luiz Inácio!
Desde 5 anos eu já ajudava em casa para minhas irmãs trabalharem e minha mãe também. Com 12 anos comecei a trabalhar fora, como doméstica, depois metalúrgica, até que terminei meu colégio e
ingressei numa Universidade Pública.
Luiz Inácio, nunca fiz cursinho, nunca fui incentivada, levantava às 4 e ia dormir uma da manhã; tomava vários ônibus.
Caminhava muito, comia pouco, vivia para os estudos e, engraçado, nunca perdi um ano, nunca perdi uma aula e, Graças a Deus, em 1983 me formei em Medicina. Me especializei, me casei e junto com meu marido luto para dar o melhor para as minhas filhas.
Hoje sou preceptora em uma Universidade, ganho tão pouco que é uma vergonha ser médico nesse país... depois que você quis brincar de presidente, as coisas pioraram ainda mais, mas o que se há de fazer.
Agora, vem cá: Você é pobre e não teve condição de estudar ? ? ?
Não me engana com esse rosário... mas não mesmo...
Sua mãe era analfabeta? Empatamos; a minha também, eu ensinei a ela conforme ia me alfabetizando até aparecer o Mobral - desculpinha esfarrapada essa sua heim???
Eu engoli você esses 8 anos, com suas gafes, seus roubos, (e como sei de
coisas... conheço o Palocci)... e sempre fiquei na minha, quieta porque é um direito seu....
Mas, hoje, ao ligar a televisão e ver você, hipocritamente, chamar a todos os brasileiros de burros e incompetentes, lamento. Mas foi a gota d'água! ...
Não julgue os outros por você... não me compare a sua laia ... Sou
apolítica, mas sou brasileira e em momento algum o senhor fez por merecer todo carinho que essa gente lhe dá.
Luiz Inácio, falar que o POVO BRASILEIRO NÃO TEVE INTELIGÊNCIA SUFICIENTE PARA DECIDIR A ELEIÇÃO,
creia, foi a pior frase que você poderia ter dito...
Posso até concordar que 48% não teve inteligência porque vive na ignorância, na mesma que você julga que o povo brasileiro tem.
Eu só espero que essa sua frase, dita num sorriso de quem já tinha bebido todas... ecoe de Norte ao Sul do País e acorde esse povo que como eu lutou muito para chegar onde está... que como eu, não agüenta mais pagar impostos para o senhor e sua corja gastarem com sabe-se lá o que.
Foi mal Luiz Inácio... muito mal mesmo!

Uma brasileira
DRA. MARISE VALÉRIA SANTOS-CRM 77.577-SP

"O que me preocupa não é o grito dos sem ética, dos sem caráter, dos
corruptos, dos sem vergonha. O que me preocupa é o silêncio dos bons".

terça-feira, 19 de outubro de 2010

All you need is love

There's nothing you can do that can't be done...



Nothing you can sing that can't be sung...



No one you can save that can't be saved...



There's nothing you can know that isn't known...



Nothing you can see that isn't shown...



Nowhere you can be that isn't where you're meant to be...



All you need is love...



Love is all you need!!!

Cookies

Me deu uma vontade de comer hoje...

Tipo de Culinária: EUA
Categoria: Doces
Rendimento: 30 porções

INGREDIENTES:
1 lata(s) de leite condensado
200 gr de manteiga
2 1/2 xícara(s) (chá) de farinha de trigo
100 gr de nozes picada(s)
200 gr de chocolate meio amargo picado(s)
1 colher (sobremesa) de essência de baunilha
1 colher (café) de bicarbonato de sódio
1 colher (café) de sal

MODO DE PREPARO:
Bata a manteiga na batedeira e vá acrescentando o leite condensando até formar um creme esbranquiçado.
Depois acrescente à mistura as nozes picadas e o chocolate. Misture bem. Acrescente os ingredientes secos peneirados e por último a essência.
Use uma colher de sobremesa para fazer as porções em um tabuleiro (não precisa untar).
Asse em forno pré-aquecido até que a parte debaixo esteja corada.Retire os cookies do tabuleiro e deixe esfriar em cima de alguma superfície seca até que estejam frios.


retirado do site: http://cybercook.terra.com.br

Bom apetite

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Distribuição de rendas - uma lição!

Um professor de economia da universidade Texas Tech disse que ele nunca reprovou um só aluno antes, mas tinha, uma vez, reprovado uma classe inteira.

Esta classe em particular tinha insistido que o socialismo realmente funcionava: ninguém seria pobre e ninguém seria rico, tudo seria igualitário e 'justo'.

O professor então disse, "Ok, vamos fazer um experimento socialista nesta classe. Ao invés de dinheiro, usaremos suas notas nas provas."

Todas as notas seriam concedidas com base na média da classe, e portanto seriam 'justas. ' Isso quis dizer que todos receberiam as mesmas notas, o que significou que ninguém seria reprovado. Isso também quis dizer, claro, que ninguém receberia um "A"...

Depois que a média das primeiras provas foram tiradas, todos receberam "B". Quem estudou com dedicação ficou indignado, mas os alunos que não se esforçaram ficaram muito felizes com o resultado.

Quando a segunda prova foi aplicada, os preguiçosos estudaram ainda menos - eles esperavam tirar notas boas de qualquer forma. Aqueles que tinham estudado bastante no início resolveram que eles também se
aproveitariam do trem da alegria das notas.

Portanto, agindo contra suas tendências, eles copiaram os hábitos dos preguiçosos.

Como um resultado, a segunda média das provas foi "D".

Ninguém gostou.

Depois da terceira prova, a média geral foi um "F".

As notas não voltaram a patamares mais altos mas as desavenças entre os alunos, buscas por culpados e palavrões passaram a fazer parte da atmosfera das aulas daquela classe.

A busca por 'justiça' dos alunos tinha sido a principal causa das reclamações, inimizades e senso de injustiça que passaram a fazer parte daquela turma.

No final das contas, ninguém queria mais estudar para beneficiar o resto da sala. Portanto, todos os alunos repetiram o ano... Para sua total surpresa.

O professor explicou que o experimento socialista tinha falhado porque ele foi baseado no menor esforço possível da parte de seus participantes.

Preguiça e mágoas foi seu resultado. Sempre haveria fracasso na situação a partir da qual o experimento tinha começado.

"Quando a recompensa é grande", ele disse, "o esforço pelo sucesso é grande, pelo menos para alguns de nós.

Mas quando o governo elimina todas as recompensas ao tirar coisas dos outros sem seu consentimento para dar a outros que não batalharam por elas, então o fracasso é inevitável."

"É impossível levar o pobre à prosperidade através de legislações que punem os ricos pela prosperidade.

Cada pessoa que recebe sem trabalhar, outra pessoa deve trabalhar sem receber.

O governo não pode dar para alguém aquilo que não tira de outro alguém. Quando metade da população entende a idéia de que não precisa trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para
sustentar a primeira metade, então chegamos ao começo do fim de uma nação.

É impossível multiplicar riqueza dividindo-a" Adrian Rogers, 1931

Por favor, vejam este vídeo ("Lula e Dilma no foro de São Paulo")

http://www.youtube.com/watch?v=FN0F6Fibpg4&feature=player_embedded








Uma boa 5ª feira...

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Asu - Photos

Ano passado, quando estive em Asunción no final de agosto, tive o privilégio de não pagar nada e ainda ter uma estadia 5 estrelas =)
(tudo graças ao meu irmão e cunhadinha-linda que moram lá)
Conheci vários lugares interessantissimos, dentre eles o Palacio de Los López, o Panteón de los Héroes , a Catedral Metropolitana, a Casa da Independência, o Centro Histórico, o Yacht & Golf Club, restaurantes deliciosos, dentre outros...
Dessa vez, pesquisei lugares diferentes para conhecer...
pubs, lojas de roupas, estadio de futebol, quem sabe assistir a uma apresentação folclórica, passear muito "a pé" =)

(prefeitura de Asu-Py, bem atrás fica o prédio onde meus "xuxuzes" moram)





















Bom, só faltam 2 dias...
Quem quiser conhecer mais um pouco de Asunción:
http://viagem.uol.com.br/guia/cidade/assuncao_index.jhtm

Beijinhos...

Asunción

Assunção, em castelhano: Asunción (de seu nome completo: Nuestra Señora de la Asunción) é a capital e maior cidade do Paraguai. Tem os mesmos problemas de outras cidades grandes da América Latina, mas a cidade possui seus encantos.



Localiza-se às margens do rio Paraguai, no sul, constituindo-se ainda no principal porto fluvial e centro industrial e cultural do país.

A sua população é de aproximadamente 530 mil habitantes (2009), e mais de 1,5 milhão na sua região metropolitana, o que a torna a cidade mais populosa do país.

O clima do Paraguai é subtropical. Na cidade de Asunción, as temperaturas médias variam entre 17°C em julho e podendo chegar fácil a casa dos 40°C em janeiro.

Se o espanhol constitui como língua oficial, uma grande parte da população fala o guarani, que foi reconhecido como língua nacional em 1967 e como língua oficial em 1992.

As principais universidades da cidade são a Universidad Católica Nuestra Señora de la Asunción (privada), dirigida pela Igreja católica e localizada ao centro da cidade, e a Universidad Nacional de Asunción (estatal) na cidade de San Lorenzo.

Apesar de haver uma grande diferença entre ricos e pobres, não há muitos problemas de assaltos e violência, e o povo, independentemente da classe social, costuma ser muito hospitaleiro e gentil, sempre pronto para ajudar!

A Avenida Marechal Francisco Solano López é uma Avenida que começa no centro de Assunção, passa pela cidade de Fernando de La Mora e acaba na cidade de San Lorenzo. É uma das vias de acesso mais importantes à capital paraguaia; na maior parte do seu percorrido possui um boulevard com árvores bastante grandes e muito agradáveis à vista, sendo o ipê o mais vistoso, já que quando floresce oferece um espetáculo natural único.

Muita gente torce o nariz quando ouve falar no Paraguai, porque a imagem que muitos brasileiros têm do país é o que vemos na Cidade do Leste, fronteira com Foz do Iguaçu. Mas Assunção, a capital, é bem diferente e oferece várias opções de passeios para seus turistas.

Quem gosta de fazer compras irá adorar os vários shoppings de Assunção, que oferecem lojas de várias marcas famosas, mas com um fluxo de pessoas e organização bem melhor do que muitos centros de compras brasileiros. A capital possui ainda, um aeroporto Internacional, o Silvio Pettirossi, (que assim como o de Curitiba, não fica na cidade, e sim no subúrbio, em Luque).

P.s.: faltam 2 dias =)

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

teste

Tirado (e feito) pelo site UOL



Meu resultado:


"Algo podre no reino da Dinamarca"
=)